O Benfica desloca-se amanhã a Portimão para passado quase 30 anos defrontar o Portimonense para o Campeonato no Estádio Municipal de Portimão.

Sabendo de antemão a forte ligação que existe entre o clube algarvio e o FCPorto (a SAD é detida maioritariamente pelo antigo empresário de Hulk e todas as trocas e baldrocas que têm existido no que diz respeito a jogadores), será um jogo muito complicado para o Benfica, que já na 1ª volta estava aos 60 minutos a perder por 1-0 (acabando por ganhar 2-1) e no jogo para a Taça da Liga não foi além de um empate a duas bolas.

O treinador Vítor Oliveira é figura central dos algarvios, estando a conseguir realizar um campeonato tranquilo graças à astúcia e estratégia do treinador natural de Matosinhos.

O Benfica deverá apresentar Jonas e o Quinteto de Luxo já aqui falados, secundados pelos também cérebros Fejsa, Grimaldo e Rúben Dias.

Uma das principais dificuldades que o Benfica terá que enfrentar será as reduzidas dimensões do relvado (103x64m ao invés dos 105x68m do Estádio da Luz por ex.) pois colocará maior concentração de jogadores, ou seja, menos espaço para ser explorado.

Estamos no entanto confiantes de que este será um jogo onde o Benfica conseguirá trazer para Lisboa os 3 pontos.

O Sporting tem um jogo mais fácil, em casa contra o Feirense, sendo no entanto de realçar o impacto que a derrota na 1ª mão da meia-final da Taça de Portugal frente ao FCP poderá trazer e a onda de lesões que afetou o atual 3º classificado. O Feirense tem vindo a decair, mas Nuno Manta é um dos bons treinadores do nosso campeonato e este jogo poderá ser a motivação necessária para que o Feirense possa tornar a ocupar lugares mais cimeiros e que melhor se coadunam com a qualidade da sua equipa.

O FCP tem uma difícil deslocação a Chaves, onde se encontra outro grande treinador do nosso campeonato, Luís Castro, e também o desgaste do jogo a meio da semana poderá fazer-se notar, em particular a partir dos 70 minutos.

Com jogos a meio da próxima semana para as competições europeias, tanto FCP como SCP deverão tentar resolver o jogo cedo, e caso não o consigam, a tarefa poderá vir a tornar-se mais complicada tanto pelo desgaste já falado como pela ansiedade que o jogo seguinte naturalmente trará.

Tal como na semana passada, esta é também uma semana onde o Benfica caso consiga ganhar o seu (difícil) jogo, poderá assistir no sofá aos jogos dos rivais acalentando naturais esperanças que qualquer um deles possa escorregar.

Metodologia 22ª Jornada.png

Quais os vossos prognósticos para esta jornada?

Anúncios